Durante o X Congresso Cubano de Dermatologia, o setor biotecnológico da ilha exibiu os benefícios do Heberferon, um medicamento criado no país para tratar o carcinoma basocelular.

Este medicamento “é usado tanto em policlínicas como em hospitais, onde é definido que o dermatologista é treinado para administrá-lo ao paciente que precisa”.

A Heberferon é destinada a pacientes com carcinoma vasocelular de alto risco, aplicando-se também a lesões com carcinomatose múltipla, ou no caso de paciente ter contra-indicação cirúrgica.

Além disso, provou ser eficaz quando usado para diminuir o tamanho do carcinoma e, em seguida, executar a operação.

 

Ver notícia original